Guto Putti, com mais de 15 anos de carreira e uma coleção imensa de produções próprias, foi convidado para abrir o palco UMF Radio no Ultra Brasil, em meio a correria dos bastidores conseguimos alguns minutos para conversar com ele e saber qual era a sua expectativa e como estava se sentindo por estar participando do maior festival de música eletrônica do mundo.

TRANCEMAG//BR: Qual é o sentimento de ser convidado para tocar pela primeira vez no ULTRA?

É maravilhoso, incrível. É muito legal poder ver tantos artistas excelentes e pessoas maravilhosas como você e todo o time da TRANCEMAG//BR.

TRANCEMAG//BR: Você tem estado por trás da cena trance por muitos anos e agora é nítido ver a cena trance crescendo, como você se sente ao fazer parte disso aqui no Brasil?

 Eu sinto que as pessoas no geral estão tão felizes com isso e é o que realmente importa. Ver as pessoas felizes na plateia, é o que tem mais maravilhoso.

TRANCEMAG//BR: Você já viu a plateia lá fora? Qual o sentimento?

Eu estava bem lá no meio. (hahahahaha)

TRANCEMAG//BR: Você está nervoso de tocar para essa galera?

Não, de jeito nenhum. (hahah)

TRANCEMAG//BR: Você acredita que eles estão preparados para ouvir trance de verdade durante todo o dia?

Eu acredito que estamos todos tocando “real trance”, e eu só quero tocar algo que eu acredito. É isso que eu quero.

TRANCEMAG//BR: Como você sente fazendo parte desse incrível lineup?

Eu me sinto muito honrado porque eu nunca imaginei que isso poderia acontecer comigo. Eu trabalhei muito duro para estar aqui e continuarei trabalhando mais e mais para estar no topo da lista.

TRANCEMAG//BR: Você poderia deixar uma mensagem para os seus fãs?

Obrigado. 

Confira o áudio da entrevista em Inglês:

Visite o site do artista www.gutoputti.com